Mostrar/ocultar menu
20935080_1376225102453563_1182370071093917974_o

Relato enviado por: Administrador -

Fala pessoal! Prontos para mais uma conversa de aprendizado sobre o kettlebell? Hoje vamos conhecer um movimento aparentemente muito fácil, mas que é super importante e dependente de uma boa técnica. O assunto da vez: o Clean.

Clean é o nome dado a primeira parte do movimento do arremesso no levantamento olímpico.  Ele consiste em elevar o peso do solo até a altura dos ombros em um movimento único e potente, onde se utiliza um enorme trabalho dos músculos da coxa e tronco. No caso do kettlebell, o clean é executado em movimentos contínuos, partindo do mesmo ponto de início que o swing, isso é, sem retornar ao solo.

O Clean exige um trabalho conjunto de glúteos, posteriores de coxa, oblíquos abdominais e dorsais, o que o caracteriza como um excelente exercício de força e estabilização corporal.

Pensando no dia-a-dia, quantas vezes você se abaixou, ou viu alguém se abaixar para pegar algo pesado no chão e na hora de subir sentiu que deu ruim na lombar. Pois é, isso acontece porque normalmente ao invés de utilizarmos as pernas e o quadril para agachar e levantar, flexionamos muito o tronco e pouco os joelhos, sobrecarregando a região lombar. Soma-se isso a fraqueza das cadeias musculares envolvidas e temos um quadro de lesão.

20935059_1376224989120241_4003117347728520515_o

O clean é um dos exercícios que pode resolver este problema. Seu trabalho atinge os grupos musculares envolvidos fortalecendo-os, além de melhorar a consciência corporal para o movimento. Um único exercício com muita aplicação prática.

Além desta característica, o clean é muito utilizado nas fases preparatórias de esportes como vôlei, basquete, atletismo e Levantamento Olímpico. Junto com o swing, formam uma dupla perfeita para trabalhar potência, estabilidade e consciência corporal.

E aí? Bora treinar? Lembre-se que para ter bons resultados e obter a melhor experiência, não faça por conta própria. Procure sempre um profissional capacitado. Lembrando que Terças e quintas de manha e à noite a V8 possui seus treinos outdoor de kettlebell. Venha vivenciar esta experiência e dar um up nos seus treinos!

Por hoje é isso.

Forte abraço e até a próxima!

Jhomyr Dias Modesto

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)

Veja também:

Minha gravidez e a corrida

Relato enviado por: Administrador

Minha história na corrida começou há alguns anos atrás, mas foi somente a partir  de janeiro de 2013 que contratei um professor especificamente para me dar aulas de técnica de corrida, associada a prática de pilates. Fizemos várias corridas juntos, mas já na metade do ano comecei a sofrer com fortes dores na canela e fui diagnosticada com canelite. Fiz diversas sessões de fisioterapia, mas nada parecia realmente melhorar a minha dor. Foi então que em setembro de 2014 eu e meu marido deixamos de treinar com ...Leia mais

A emoção dos 42.195m de “terapia”

Relato enviado por: Administrador

Correr maratona realmente tornou o maior vício que possuo. Quando fiz a primeira, já pensava na segunda. Concluída a segunda, só pensava aonde poderia me aventurar no ano seguinte. Decidi então que a minha terceira maratona seria em território alemão, não só por achar um país incrível, mas também por ter como residente lá uma super amiga da época de colégio. A maratona de Colônia (Kölon) passou a meta de 2015. Objetivo traçado foi só encarar os meses de preparação e focar na meta de melhorar do tempo... pensamento básico quando se começa a ganhar confiança na distância. Dia ...Leia mais


Twitter

Facebook

Top